quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

RESPEITE A NOITE ESCURA DA ALMA E A MENSAGEM QUE ELA TRAZ CONSIGO (POR JESHUA)


Canalização de Jeshua
Por Pamela Kribbe
Dezembro de 2016

Queridos Amigos,

Eu sou Jeshua e saúdo todos vocês. Para mim, é uma alegria estar aqui no meio de vocês. Estamos conectados como irmãos e irmãs. Coletivamente, nós trazemos uma nova onda de consciência ao mundo. Peço que cada um sinta isto internamente por um instante.

Você é um portador da tocha; você carrega uma luz em seu interior. Veja-se carregando uma tocha que espalha luz na escuridão. No início, você é chamado a espalhar essa luz na sua própria escuridão. Logo que você nasce aqui na Terra – onde há muito medo, ilusão e desconfiança da vida – você passa a fazer parte deste mundo e da sua tentativa de escapar de sentimentos profundos. A partir do momento do seu nascimento, e durante toda a sua infância e adolescência, você é desafiado a tentar manter-se fiel à sua luz, a quem você realmente é, e ao que você sente. E que grande desafio é este!

Como é maravilhoso você ter passado por isso com sucesso e estar presente aqui com sua tocha de luz! Você pode estar dizendo para si mesmo: “Isto me custou muito!”, ou pode estar pensando “Não consegui, de jeito nenhum… sinto-me só e abandonado.” Mas nós o vemos aqui, portanto você não está sozinho. Muitos amigos de mentes afins e muitos guias “do lado de cá” estão aqui com você. Nós o vemos como um portador da tocha, então confie nisto!

A vida lhe dá, para começar, a sua própria porção de “trevas”, digamos assim. Internamente, você se defronta com medos e, externamente, com acontecimentos com os quais aparentemente não consegue lidar. Mas são justamente estes eventos e aquelas emoções difíceis que atraem o seu conhecimento mais profundo, a sua essência, a sua luz interior. É principalmente devido à “noite escura da alma”, que a luz da sua própria alma se torna visível para você. Não é uma luz externa a você, mas somente a luz do seu interior que pode guiá-lo através da noite escura da alma, porque o lança de volta a si mesmo e aos seus recursos internos. Todas as coisas externas, às quais você talvez pudesse agarrar-se, desaparecem. Você está sentado sozinho em “solo nu” e só pode obter ajuda de dentro de si mesmo, da sua própria força interior.

Cada um aqui presente conhece essa experiência de ter que depender de si mesmo, de ter que abandonar tudo e renascer na luz da sua alma, para vivenciar uma nova manhã, um novo começo, onde uma parte maior da sua alma esteja presente na Terra. É isto que a noite escura da alma faz para você também. Embora ela lhe peça para abandonar certezas externas e olhar de frente para emoções profundas – algumas vezes muito sombrias – ela também o leva para um novo panorama, uma nova consciência da realidade. Quando você chega nesse ponto, a luz da sua tocha não brilha apenas para você, mas ilumina também o caminho para outras pessoas, geralmente sem que você o saiba.

Não é preciso fazer muito para chegar a isso, porque acontece naturalmente. Sua consciência muda porque você descobriu o significado do amor e da compaixão dentro de si mesmo. Você só aprende realmente o verdadeiro alcance desses conceitos, quando se encontra “no fundo do poço”. Só então você consegue entender o poder de um gesto de cooperação, da falta de preconceito, o significado da amizade… e você aprende isto primeiramente dentro de si mesmo. Quando tiver vivenciado essa bondade para com você mesmo e dentro de si, ela o acompanhará através das contrações do processo de nascimento, e você nascerá novamente, como um novo ser, com um coração brando e aberto, como um eu que se conecta. Não um eu que deve lutar para sobreviver ao medo, mas um eu que pode estar completamente presente na serenidade e bondade. Então você se torna um trabalhador da Luz, um ser que ajuda a moldar a nova era na Terra.

Eu gostaria de falar alguma coisa sobre esse novo tempo, porque ele está desabrochando na Terra agora. Não é mais uma visão do futuro – é agora, aqui! Graças aos seus esforços, e aos esforços de muitos que passam pelo mesmo processo que você, uma nova Terra está surgindo. Você espera por este acontecimento há muito tempo; não apenas nesta vida, mas em muitas outras, nas quais foi guiado pela promessa, pela visão de uma nova Terra, onde sua alma pudesse conectar-se completamente com o fato de estar aqui; onde você finalmente se sentisse em Casa, neste planeta pequeno mas muito especial.

Perceba por um instante, até que ponto você já sente essa realização; até que ponto você já se sente conectado com a Terra. Quanto mais você estiver presente aqui com sua alma, mais a Terra se fortalecerá, despertará e fluirá com a nova luz que você veio trazer. Não se subestime. Sim, o que você faz com a sua tocha de luz é para você, mas é também para a Terra e para tudo o que vive na Terra. Você leva a Terra consigo, devido ao que você é. Você é um trabalhador da Luz – você traz luz para a Terra.

Imagine-se sentado no chão, num local lindo da natureza. Você sente a paz, a harmonia da Terra abaixo de você. E se conecta com a alma da Terra, sentindo, assim, que ela também anseia por mudança, por um crescimento de consciência. Ela deseja obter isto em conexão com você e com a humanidade como um todo.



A Terra também está envolvida num processo dinâmico… sinta isto por um momento. Permita que a alma da Terra apareça diante de você na forma de um ser humano ou de um animal, e fique com a imagem que surgir espontaneamente em sua mente. Pergunte-lhe o que ela deseja, o que ela quer alcançar em sua evolução, em seu processo de crescimento. Pergunte-lhe o que você pode fazer por ela neste momento; como você pode ajudar a alma da Terra em seu desenvolvimento.

O que a resposta dela lhe faz? Você sente que o que ela lhe pede é também aquilo que o nutre, que o conecta com a Terra, e que lhe traz descanso e harmonia? A beleza de viver na nova Terra é que você está totalmente conectado com o ser dela, que também vive em você como ser humano; você está conectado com sua própria natureza humana como criatura terrena.

O novo humano é totalmente ancorado e presente. Ele respeita os ritmos da Terra e da natureza, dentro e fora de si mesmo. Sinta o poder da nova Terra fluir para o seu interior. Ele já vive em você e na própria Terra. Siga adiante com o novo, pois ele o convida. A nova Terra deseja crescer e desabrochar.

Muitas vezes, a noite escura da alma leva a pessoa ao limiar do novo, e isto certamente é verdade para você. Estou falando com você como a alma que você é. Você está neste caminho há muito tempo. Você fez uma viagem longa através de muitas vidas na Terra. Você manteve a sua luz acesa enquanto teve que enfrentar experiências profundas de dor, desolação e rejeição.

Agora, no limiar de um novo tempo, você ainda é desafiado pela energia antiga, pelo peso que vivenciou por tanto tempo na velha Terra. Mas, agora você vai liberar e abandonar tudo isso. Você só pode dizer adeus a alguma coisa, quando a respeita, quando aprecia o que ela lhe trouxe, pois assim você a deixa ir amorosamente. Toda dor que você acumulou nesta e em vidas anteriores precisa da sua bênção para poder ser liberada. Só então você poderá atravessar o limiar, livre e aliviado, como o anjo que você é em essência. Portanto, respeite a noite escura da alma e a mensagem que ela traz consigo.

Agora, quando experimentar essa escuridão, faça-a ver como você ficou forte, e quantos passos você já deu na sua jornada interior. Você é maior do que toda essa dor, medo, tristeza, depressão… seja o que for! Você pode ter compaixão e abençoar tudo isso. Isto quer dizer que você estende sua mão para a escuridão e diz: “Você é boa como é; eu a compreendo. Eu não luto contra você; eu lhe dou um lugar dentro de mim. Você é um lembrete dos velhos tempos e eu aprendi muito com essas experiências.” Saiba que é devido a esses altos e baixos que você experimentou ao longo de suas vidas na Terra, que agora existe uma sabedoria que amadureceu no seu interior; agora você realmente entende intimamente o significado do amor, da compaixão e da força. Eles se tornaram uma realidade viva para você.

Isto é a consciência Crística que, então, desperta em seu coração, em seu ser. É ela que o leva através do limiar do novo tempo, quando todos os seus ideais finalmente estabelecerão um ritmo e um passo adequados a você e à Terra. O importante aqui é que você perceba quão valiosa é a noite escura da alma, que talvez você ainda esteja vivenciando. É algo que precisa ser visto novamente à luz do amor e da compreensão. Só então ela poderá relaxar e se dissolver, enquanto você leva consigo a sabedoria do passado. Este é o fruto da sua jornada na Terra.

Então, quando estiver lutando contra emoções sombrias de medo, ou se perguntando se o seu lugar é mesmo aqui na Terra, ou se sentindo um estranho, vivenciando solidão e dúvida torturante, deixe que isso tudo assuma a forma do rosto de uma criança que expressa todas as emoções que ainda vivem em você. Estenda suas mãos para essa criança e abençoe-a. Ela merece toda a sua atenção e o seu amor. Mas não faça desta ação algo mais difícil do que deve ser. A noite escura da alma é um evento quase imprescindível para que você atravesse o limiar da nova Terra.

Tome a mão dessa criança que carrega suas emoções mais pesadas; acompanhe-a, sustente-a, mas, ao mesmo tempo, não se esqueça quem você é. Você é o pai/mãe amoroso e compreensivo, que segura a mão de seu filho. Você pode enxergar mais além do que ele. Você já consegue ver adiante do limiar. Você sente a força vital emergente de uma nova realidade esperando por você. Ofereça uma atenção serena a essa criança que talvez ainda resista ou tenha medo. Por outro lado, mantenha-se consciente da nova realidade que agora está criando raízes na Terra.

Eu e todos que estão aqui comigo honramos e respeitamos você. Sinta a nossa reverência aqui, neste momento. Obrigado por sua presença aqui hoje. 

Respeite os créditos ao compartilhar a mensagem! 
Fonte primária: Jeshua
Tradução: Vera Corrêa (veracorrea46@gmail.com)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço antecipadamente o seu comentário! Ele será respondido o mais breve possível!