quarta-feira, 10 de agosto de 2016

SER MULHER…

Paula Mouta
09 de Agosto de 2016

“SOMOS UM LIVRO EM BRANCO”

A saúde da mulher é um estado de consciência, social, cultural, emocional e pessoal.

Viver é um ato de coragem, de resiliência constante, de acertos e desacertos com o nosso eu e com o SER, em cada um de nós.

Mas viver como mulher é estar num corpo que em cada mês nos faz enfrentar o desafio de uma selva interior, no terrível (des) acerto hormonal.

É ser  capaz de carregar e nutrir uma criança no ventre, por nove meses, com todas as transformações físicas e emocionais que isso acarreta.

É ser ainda feminina, bonita, bondosa, doce, inteligente e acima de tudo sensual.

Ser mãe, esposa, namorada, filha, amiga, vizinha, profissional, empregada doméstica e divertida…

Esta é a vida a cores de todas nós….um ser especial, chamado MULHER…

Mas…

O nosso melhor segredo, é entendermos, que podemos viver plenamente a nossa vida, independente das circunstâncias do presente ou do passado.

É sermos capazes de dar um abraço, daqueles onde o mundo se acolhe e os nossos sonhos se constroem nos alicerces do sagrado, que é a cura interior feita dia-a-dia.

O estado de equilíbrio físico e emocional de uma mulher, está ligado à cultura em que ela vive e à forma como ela própria  se enquadra nesse ambiente enquanto ser individual.

Ele é feito através da relação e interligação em teia de todos os fatores fisiológicos, onde as funções do corpo estão interligadas e caso haja algum desequilíbrio, instala-se a doença.

Sendo os nossos corpos constituídos por sistemas de energia dinâmicos, estes são afetados pela forma como comemos, pela herança genética, a cultura, e pelas relações que vivemos.

Colher da sabedoria física, passa por entender primeiro, que o viver em sociedade, modula a forma como cuidamos e vivemos o  nosso corpo  e, só desta forma, podemos ir em busca do santo graal chamado saúde.

Para isso é preciso fazer o alinhamento entre o sagrado, que é o corpo, e todo o universo onde estamos inseridos.

É, na verdade, importante que cada ser feminino entenda que a consciência cria o corpo.

Encare o seu corpo como um projeto de vida e siga os passos necessários para viver feliz.

1. O corpo da mulher reflete a terra e a natureza.

2. Os pensamentos e as emoções são estados bioquímicos que afetam o sistema imunológico, endócrino e nervoso.

3. Diariamente o nosso corpo cria saúde, através dos comandos internos de autorregeneração.

4. Os seus estados emocionais, espirituais e psicológicos estão todos ligados e não podem ser separados, a consciência cria tudo o que é.

5. A doença é a forma que o seu sistema orgânico tem para lhe dizer que algo está errado na forma como faz a gestão da sua vida.

6. Viva cada dia de acordo com os seus instintos, sendo capaz de ouvir o corpo e desta forma criar saúde.

7. Viva plenamente, concentrando-se nos aspetos positivos da vida.

8. Siga o seu eu verdadeiro, ele funciona como uma bússola de orientação.

9. O corpo da mulher tem a sua própria inteligência feminina, capaz de gerar vida.

10. Respeite-se, pois o respeito por si mesma é o exemplo para ser respeitada.

11. A vida é uma aventura, em que todos os seres estão ligados, receba-a de braços abertos e atreva-se a viver.

12. Siga o caminho da paz com o seu corpo e com os alinhamentos da vida. Alimente a sua saúde com nutrientes saudáveis.

A saúde é branca, a paz é branca e nós somos um livro em branco.

Sou Naturopata, mulher, mãe, professora e cidadã do mundo. O meu trabalho está focado na nutrição funcional e equilíbrio do corpo pela cura que vem da sua constante renovação celular. Gosto de sorrir e fazer de cada dia um novo começo. - naturopatiacientifica@gmail.com

Respeite os créditos ao compartilhar a mensagem! 
Blog Feminino Quânticohttp://www.femininoquantico.com.br/2016/08/ser-mulher.html
Fonte: O Segredo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço antecipadamente o seu comentário! Ele será respondido o mais breve possível!